Política

Governador participa da posse do novo presidente do Tribunal Regional Eleitoral de SC

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

O desembargador Jaime Ramos tomou posse como novo presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina nesta quarta-feira (11). A cerimônia, realizada no Tribunal de Justiça, em Florianópolis, contou com a presença do governador Carlos Moisés e da vice-governadora Daniela Reinehr.

Estou extremamente honrado por ter sido eleito presidente de um dos melhores tribunais do país”, discursou Ramos durante o evento. “Todos imanados e coesos com a Justiça Eleitoral, poderemos preparar e realizar as Eleições Municipais de 2020 de forma mais tranquila, segura, ética, transparente e célere, para garantir o exercício dos direitos políticos e da cidadania a todos os eleitores deste estado, em verdadeiro culto à democracia”, destacou.

Ele ainda aproveitou a oportunidade para relembrar que o período para cadastramento e recadastramento biométrico para que seja possível votar nas eleições municipais deste ano vai até o dia 6 de maio.

Peço ajuda na divulgação para que as pessoas não deixem para a última hora e para que agendem o seu atendimento pela internet, assim evitam filas e correria de última hora”. 

Também no evento, o desembargador Fernando Carioni tomou posse como vice-presidente e corregedor regional eleitoral do TRE. 

Em seu discurso de despedida, o ex-presidente do TRE-SC Cid Goulart Júnior ressaltou a importante missão do novo presidente neste ano eleitoral. Também mencionou os trabalhos de destaque na sua gestão no TRE, que em 2019 foi reconhecido pelo Conselho Nacional de Justiça por meio do Prêmio CNJ de Qualidade na categoria ouro.

Conheça o novo presidente

Natural de Lages, Ramos é formado em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 1978. É especialista em Direito Processual pela Fundação Universidade de Blumenau (Furb) e mestre em Ciências Jurídicas pela Universidade do Vale do Itajaí (Univali).

Magistrado de carreira, tomou posse em dezembro de 1981, quando ingressou no Poder Judiciário de Santa Catarina como juiz substituto. Atuou em diversas comarcas do estado como juiz de direito e juiz eleitoral até ser removido em 2000 para exercer o cargo de juiz de direito de 2º Grau no TJSC. Em outubro de 2007 foi promovido a desembargador do TJSC.

Foi eleito pelo TJSC, na categoria de desembargador, como juiz eleitoral substituto em 2018, e como juiz eleitoral titular para o biênio 2020/2021. 

Até assumir a posse como novo presidente, exercia as funções de vice-presidente e corregedor regional eleitoral do TRE.


Quer saber das notícias de Guaramirim e Região primeiro? CLIQUE AQUIe participe do nosso grupo de WhatsApp!

Comentários estão fechados.