Geral
Saúde
Educação
Esporte
Segurança
Política
Economia
Entretenimento
Colunistas
Obituário
Quem Somos Contato
Geral
Saúde
Educação
Esporte
Segurança
Política
Economia
Entretenimento
Colunistas
Obituário

As vítimas estavam presas com cintos de segurança no momento que o vendaval atingiu a região e a estrutura colapsou, causando a queda dos trabalhadores e da estrutura – Foto: Corpo de Bombeiros/ND

Data:09/03/2022  Postado por: Redação

Vendaval provoca desabamento e quatro trabalhadores ficam feridos em Pinhalzinho

Os temporais registrados nesta terça-feira (8) no Oeste de Santa Catarina causaram estragos em diversas cidades. Em Pinhalzinho, quatro pessoas ficaram feridas após caírem de uma altura de cerca de 30 metros por volta das 16h55. Segundo o Corpo de Bombeiros, as vítimas trabalhavam em uma estrutura que desabou por causa do vendaval.

De acordo com os bombeiros, um guindaste realizava os serviços de colocação de estrutura metálica em uma cooperativa no momento do acidente. As vítimas estavam presas com cintos de segurança quando o vendaval atingiu a região e a estrutura colapsou, causando a queda dos trabalhadores e da estrutura.

Estado das vítimas

Na chegada das guarnições, três vitimas já estavam no solo e uma vítima permanecia sobre os escombros com pé preso. As vítimas foram identificadas como quatro homens, sendo dois de 27 anos, um de 20 anos e um de 23 anos.

Os dois homens de 27 anos foram atendidos conscientes e orientados. Um deles queixava-se de dores na costela enquanto o outro apresentava dores e ferimentos na cabeça. Ambos foram levados ao Pronto Socorro de Pinhalzinho.

A vítima de 20 anos não respondia verbalmente, havia suspeita de fratura de fêmur, suspeita de hemorragia interna e traumatismo craniano. Ele foi inicialmente levado ao Pronto Socorro de Pinhalzinho e, em seguida, transferido ao HRO (Hospital Regional do Oeste), em Chapecó. Já o homem de 23 anos não apresentava ferimentos e fraturas aparentes, mas também foi levado ao Pronto Socorro de Pinhalzinho.

Estragos na região

Após o atendimento de trabalho, os bombeiros também atenderam ocorrências de árvores caídas na BR-282, entre os municípios de Pinhalzinho e Nova Erechim. Em quatro pontos houve obstrução total ou parcial da via.

Em Saudades, cerca de 15 casas foram destelhadas. Ao todo, 500 m² de lona foram distribuídos aos moradores. Foi efetuado também a desobstrução de diversas ruas do município devido a queda de árvores. Na SC-160 o fluxo de veículos chegou a ser interrompido.

ND

 

PUBLICIDADE

booked.net




PUBLICIDADE

PUBLICIDADE




Copyright 2020 - Todos os direitos reservados a Guaramirim News.