Geral
Saúde
Educação
Esporte
Segurança
Política
Economia
Entretenimento
Colunistas
Obituário
Quem Somos Contato
Geral
Saúde
Educação
Esporte
Segurança
Política
Economia
Entretenimento
Colunistas
Obituário

Data:16/06/2022  Postado por: Redação

Buscas a jovem desaparecido ocorrem em Joinville e nas cidades vizinhas de Schroeder e Guaramirim

Cândida da Silva está sem dormir, sem comer, com o coração aflito à espera de notícias do filho Eduardo dos Santos Silva, 23 anos, desaparecido desde a noite do último domingo, dia 12, em Joinville, no Norte de Santa Catarina.

Eduardo deixou um bilhete em casa antes de desaparecer. Disse que ama a mãe, mas que, desde pequeno, chora em silêncio.

Desesperada por notícias do filho, Cândida vai atrás de todas as pistas. "Ligaram dizendo que havia um menino parecido em Schroeder que estaria procurando um carregador de bateria. Fomos até lá e não era ele", conta.

Ela também voltou à Polícia Civil nesta quarta-feira, dia 15, e recebeu a orientação de que não era para mexer no computador do filho, que tudo estava sendo rastreado e investigado.

A mãe conta que o filho saiu de casa com a roupa do corpo e com o celular. Não levou mais nada. Voltou a dizer que Eduardo sempre foi caseiro, que não bebe, não fuma e era muito na dele.

 

"Por isso que não entendo, não entendo ele ter sumido assim", continua Cândida.

"Estou há quase quatro dias no escuro, sem notícias do Duda. Não estou comendo, dormindo, só quero que ele volte para casa. Se eu soubesse mergulhar, me jogaria no rio para ajudar nas buscas. Não consigo ficar em casa", fala aflita e emocionada a mãe.


Buscas continuam

Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville, Polícia Civil, amigos e familiares continuam fazendo buscas ao jovem, que foi deixado na ponte do Rio Piraí por um Uber no último domingo.

Segundo informou o Corpo de Bombeiros Voluntários, que segue buscas de acordo com a orientação da Polícia Civil, os trabalhos nesta quarta-feira, dia 15, se concentraram nas margens do Rio Pirai e área rural do Vila Nova (Salto 1, Salto 2, Estrada Serrinha, Duas Mamas) chegando até as cidades vizinhas de Schroeder e Guaramirim.



A corporação de Joinville, inclusive, passou informações e orientações para os bombeiros voluntários dessas duas cidades. Além disso, foram feitas buscas na Estrada Dedo Grosso, até o limite com Jativoca.

Já nesta quinta-feira, dia 16, a partir das 8h, o Grupamento de Busca e Salvamento Aquático vai mergulhar na altura da Ponte do Rio Piraí. Serão oito mergulhadores envolvidos na ação.

O Grupo de Resgate em Montanha (GRM) também atuou nas buscas ao jovem. Equipes se revezavam nos trabalhos para dar conta da área a ser vasculhada. 

De acordo com Gabriel Machado, do GRM, na manhã desta quarta-feira, dia 15, foi enviada mais uma equipe para auxiliar nas buscas na região do Morro do Meio, em torno da ponte do Rio Piraí, próximo ao cemitério. No entanto, à tarde, as buscas foram suspensas.



Importante frisar que o Grupo de Resgate em Montanha é chamado sempre quando há buscas e resgates dessa natureza, e segue diretrizes de órgãos oficiais, como Corpo de Bombeiros Voluntários e Polícia Civil.

Enquanto isso, a mãe não perde as esperanças de ter de volta aos seus braços o Duda.

 

"Eu espero que ele esteja na casa de alguém, que tenha sido um momento de bobeira. Quero meu filho de volta", finaliza a mãe Cândida.


ND+

PUBLICIDADE

booked.net




PUBLICIDADE

PUBLICIDADE




Copyright 2020 - Todos os direitos reservados a Guaramirim News.