Entretenimento

Ligação irregular de energia elétrica em roda-gigante de Florianópolis é identificado pela Celesc

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr

A roda-gigante instalada na Avenida Beira Mar Norte, em Florianópolis, teve o fornecimento de energia elétrica cortado nesta terça-feira (11), pela Celesc. 

Segundo a companhia, a medida foi tomada para garantir a segurança da população e por problemas técnicos. 

Ela [empresa responsável pela roda-gigante] paga pela energia. Ela tem duas formas de pagar ou pelo consumo médio para a prefeitura pelo SQE Luz ou através de um relógio pagando direto para a Celesc. De qualquer forma, ela tem obrigação de pagar todo o consumo de energia e vai fazer. Ela tem uma reunião com a Celesc e nossa orientação sempre preferimos que coloque o relógio e pague diretamente à Celesc. Se não for possível a gente vai fazer pelo consumo médio onde a prefeitura é remunerada dentro do consumo que é pago de toda a cidade de Florianópolis, disse o prefeito Gean Loureiro, em entrevista ao Jornal do Almoço.

De acordo com o secretário de Esporte, Cultura e Juventude da capital, Ed Pereira, houve uma falha administrativa e que empresa responsável pela roda-gigante fez o pedido no Pró-Cidadão que encaminhou a solicitação para a SQE Luz, responsável pela manutenção da iluminação pública. 

Segundo a Celesc, um dos pontos para restabelecer o funcionamento elétrica seria a montagem de um padrão de energia. 

A estrutura tem 34 metros de altura e 24 gôndolas e vai ficar aberto durante três meses. O equipamento foi aberto ao público no dia 7 deste mês.


Quer saber das notícias de Guaramirim e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!

Camila Silveira Rosa

Jornalista e marketeira, apaixonada por boas histórias, cultura e curiosa por natureza

Comentários estão fechados.